fbpx

As 17 dúvidas mais frequentes sobre fios de sustentação respondidas por um especialista!

As 17 dúvidas mais frequentes sobre fios de sustentação respondidas por um especialista!

Os fios de sustentação são a tecnologia mais indicada para pessoas que desejam rejuvenescimento facial de forma prática, rápida e não invasiva. Apesar de tudo isso, muitas pessoas nos procuram para tirar dúvidas a respeito do procedimento. Por esse motivo, nós realizamos uma entrevista inclusiva com o Dr. Alex Giacomini para eliminar as dúvidas mais frequentes a respeito desse procedimento incrível!

 

  1. O que são “fios de sustentação” na estética?

São fios de polidioxanona, mais conhecidos como PDO. Eles são sintéticos e são biocompatíveis com o organismo, o que quer dizer que há pouquíssimas chances de causar algum tipo de alergia. São biodegradáveis e vê sendo utilizado na estética há mais de 30 anos para promover o rejuvenescimento da pele.

 

  1. Como os fios de sustentação surgiram na estética? Qual material é utilizado?

Os fios de sustentação já são uma técnica bastante conhecida entre cirurgiões plásticos e dermatologistas, sendo amplamente utilizada e bem aceita entre as pacientes que buscavam rejuvenescimento através do lifting facial.

 

O amadurecimento da nossa pele faz com que ela fique mais fina, além do fato de que perdemos gordura em algumas regiões da face. Essa redução na espessura da pele é uma condição natural de todo ser humano e se dá por meio da degradação do colágeno e o processo de oxidação da pele. Sendo assim, a técnica foi caindo em desuso pois os fios começavam a ficar visíveis, o que acabava por gerar um desconforto estético tremendo nas pacientes, que se viam obrigadas a passar por uma microcirurgia para retirá-los.

 

Mas graças ao avanço da tecnologia, hoje em dia não é mais necessário passar por isso para ter um rosto rejuvenescido! Aqui na Semblànt Estética, nós usamos os fios PDO, que podem ser absorvidos pelo organismo, de forma que têm a mesma durabilidade, mas com a vantagem de não necessitar de cirurgia para retirar os fios.

 

  1. Como funcionam?

Os fios têm a função de estimular colágeno e funcionam de 2 maneiras. A primeira delas é logo na aplicação do fio na pele, que é colocado por meio de agulhas de acupuntura e somente o trauma que essa agulha causa na pele já é capaz de estimular o colágeno. A segunda é quando os fios estão dentro da pele, quando o nosso próprio organismo vai tentar degradar este fio por hidrólise. A medida que este fio vai sendo reabsorvido pelo organismo, as células de fibroblastos que estão localizados na derme e produzem colágeno novo, irão trabalhar mais e depositar este novo colágeno na localização que o fio ocupava. Sendo assim, o colágeno novo vai amadurecer e aumentar a sustentação da pele, melhorando a flacidez e fazendo um efeito lifting na região.

 

  1. Existe idade mínima para iniciar o tratamento?

Quando o tratamento é focado em flacidez, a idade do paciente nunca é o foco, porque as pessoas envelhecem de forma diferente e deve-se considerar todos os seus hábitos e predisposição genética. Existem pacientes que têm 35 anos e já apresentam um grau de flacidez mais avançado, enquanto outras aos 50 anos têm uma pele bem firme. Sendo assim, o mais importante é haver flacidez.

 

Quando se trata de flacidez, é importante lembrar que quanto mais cedo a gente começa o tratamento, melhor vai ser o resultado. Dessa forma, se a paciente é adulta-jovem e está começando a apresentar um quadro de flacidez e resolve iniciar o tratamento com fios PDO, o resultado tende a ser muito mais intenso pois é preventivo. Por outro lado, se a paciente possui idade mais avançada e, portanto, um grau de flacidez mais elevado, também é possível perceber um ótimo resultado, embora mais modesto do que em um paciente mais jovem, justamente pelas questões de metabolismo. De qualquer forma, a pele será reestruturada e você se sentirá muito mais jovem.

 

  1. Para quem os fios de sustentação são indicados?

Os fios PDO podem ser aplicados em qualquer área do rosto ou do corpo que apresente flacidez. É indicado principalmente para pacientes que desejam obter um resultado de cirurgia plástica, mas não possuem tempo e/ou investimento financeiro necessário para realizar e para pessoas que têm restrições quanto à cirurgias.

 

Uma área interessante é aquela ruga que fica entre as sobrancelhas, conhecida como a “ruga da brava” ou “ruga do míope”. Normalmente esta ruga é tratada com toxina botulínica, mas muitas vezes a paciente chega no consultório com uma fase avançada, onde esta ruga está tão marcada que parece uma tatuagem na pele. Sendo assim, é necessário associar à outros tratamentos e uma ótima opção são os fios PDO.

 

Os fios PDO também podem ser usados para amenizar o aspecto das rugas que aparecem no sulco nasogeniano, mais conhecido como “bigode chinês” e as rugas da linha de “marionete”. Essas rugas acontecem porque o indivíduo perde o volume nessa região, o que pode ser facilmente corrigido com o preenchimento que vai devolver o volume e melhora a profundidade do vinco. Pode ser usado também para quem tem papada e pescoço flácidos.

 

  1. Se alguém tocar no meu rosto, irá sentir os fios?

Não, pois os fios PDO além de serem extremamente finos, são bioabsorvíveis. Ou seja: após algum tempo estimulando colágeno na região, os fios tendem a ser absorvidos pelo organismo. Isso acontece graças à tecnologia que permitiu uma melhora na técnica de aplicação do chamado “fio russo” ou “fios de ouro”, que não eram absorvidos pelo organismo e após algum tempo exigiam uma microcirurgia para retirá-los.

 

  1. O procedimento é doloroso?

Quando se trata de estética, a dor sempre vai depender da sensibilidade da paciente. Entretanto, para diminuir os desconfortos causados e garantir que a paciente realize o tratamento com tranquilidade, nós realizamos a aplicação de anestesia.

 

  1. Quantas sessões/fios são necessárias?

Uma única sessão é necessária. O fio já traz um resultado imediato, no entanto o seu grande efeito fica muito mais visível conforme o tempo vai passando. É isto mesmo, os dias passam e você vai rejuvenescendo, por um período de 6 a 8 meses.

 

A quantidade de fio varia de pessoa para pessoa, sendo que uma pessoa de 1m80cm de altura vai precisar de muito mais fios do que uma pessoa de 1m50cm. Entretanto, uma média de 40 fios é utilizada para *promover rejuvenescimento facial*.

 

  1. Pode ser usado em olheiras?

Pode melhorar o aspecto das olheiras, no entanto existem tratamentos mais adequados. Normalmente as pessoas pensam que o procedimento vai retirar completamente as olheiras, mas essa região não possui tantos anexos como na região da bochecha, por exemplo, e não vai estimular tanto colágeno, de modo que os efeitos são bem menores.

 

  1. Serve para rugas ao redor dos lábios?

Em alguns casos, sim. Tudo depende da avaliação.

 

  1. Existe alguma contra-indicação?

Sim. Pessoas em tratamento de câncer; mulheres grávidas; pessoas com alguma infecção na pele, como por exemplo dermatite e herpes ativa; problemas de regeneração; diabetes descontroladas; pessoas que estejam fazendo o uso de medicamentos anticoagulantes.

 

  1. Quanto tempo duram os efeitos dos fios de sustentação?

Os efeitos duram de 3 a 5 anos, se forem feitas as devidas manutenções. Digamos que você aplicou 40 fios, sendo assim, no ano que vem você voltará para fazer manutenção e vai precisar colocar apenas 5 fios. Então o custo diminui muito.

 

  1. Quais são os benefícios do fio de sustentação?

Um rosto naturalmente mais jovem. Quando uma pessoa faz cirurgia plástica, de maneira geral ela obtém um resultado rejuvenescedor, mas dificilmente fica natural. Os fios de sustentação é ideal para quem deseja um resultado super natural e podem ser feitos quantas vezes forem necessárias.

 

  1. Quais cuidados são necessários antes de realizar o procedimento?

É necessário evitar exposição ao sol e caso a paciente esteja tomando medicamentos anticoagulantes, é necessário conversar com o médico para verificar a possibilidade de suspender o uso por 3 dias.

 

  1. Como é o pós procedimento?

É necessário se abster da prática de atividades físicas e na hora de dormir deve-se deitar de barriga para cima do 1º até o 3º dia, após uma semana é preciso comparecer na clínica para uma consulta com o doutor. O procedimento é muito tranquilo, de modo que não interfere o desenvolvimento das suas atividades diárias ou serviço, desde que não envolva atividades físicas (educação física, bombeiro, policial, etc).

 

  1. O que é possível perceber comparando o antes e depois?

É possível perceber que a sobra de pele no rosto foi diminuída, além de uma melhora na textura da pele. O seu rosto vai aparentar um aspecto muito mais firme e levantado, com efeito lifting.

 

  1. Quais os procedimentos podem ser aliados aos fios de sustentação?

Para que os resultados sejam ainda mais surpreendentes, o ideal é associar os fios PDO com outros procedimentos, como por exemplo preenchimento com ácido hialurônico, jato de plasma e muitos outros!!

 

Deve-se evitar procedimentos que envolvam calor e movimentação do rosto nos 8 meses que sucedem à aplicação do fios, como por exemplo radiofrequência, criofrequência e Led Terapia com a luz azul.

 

Ainda ficou com alguma dúvida a respeito do procedimento? Agende a sua avaliação agora mesmo e converse pessoalmente com o Dr Alex!

1 Comentar
  • Alda beatriz Vargas fabris
    Postado às 01:29h, 20 maio Responder

    Olá mto bem explicado parabéns se antes eu fazia radiofrequência e lazer agora. Só devo mais fazer ???

Escrever um comentário