fbpx

Manchas no rosto: o que é e como tratar

Manchas no rosto: o que é e como tratar

Quando aparece alguma mancha em nossa roupa já é muito incômodo, imagine então se for uma mancha no rosto, a situação piora e muito. O rosto é nosso cartão de visita, o primeiro lugar a ser olhado, e não tem coisa pior para diminuir a autoestima do que perceber que há algo de errado com ele.

As hipercromias (manchas) são caracterizadas por alterações na quantidade de melanina ou pelo aumento na quantidade de melanócitos (células responsáveis pelo pigmento). Esse exagero de melanina pode ser causado por alguns principais fatores como: exposição a luz solar, envelhecimento, alergias e alterações hormonais. Porém, estima-se que 63% das manchas no rosto são causadas pelo sol e pode ser um fator agravante para manchas que se originam por outros motivos. Conheça algumas das principais manchas:

Melasma: São manchas no rosto acastanhadas podendo ser claras ou escuras. Aparecem em áreas expostas ao sol, principalmente na face (testa, maçã do rosto, queixo e lábios superiores). São de cunho hormonal e podem ser exacerbadas por outros fatores como gravidez, remédios e luz solar.

Cloasma: Caracteriza-se por ser o melasma no período gestacional e devido a hormônios produzidos nessa fase há um aumento na produção de melanina (melanogênese), o que causa as manchas no rosto.

Hipercromia pós-inflamatória: Ocorre geralmente em pessoas de pele escura, na sequência de uma inflamação como acne, dermatites ou outros traumas. Sua causa se dá devido a um componente que é liberado no processo inflamatório, a citoquina, substância essa que estimula a melanogênese.

Melanose ou lentigos: Manchas escuras acastanhadas de tamanho geralmente pequeno, surgem devido ao acúmulo de exposição ao sol durante anos, acomete pessoas de mais idade, por isso, também são chamadas de manchas senis. São mais frequentes em pessoas brancas e dá-se pelo aumento da quantidade de melanócitos.

Fitofotomelanose: Manchas escuras causadas pelo contato da pele com plantas ou com o suco de frutas (limão, laranja, tangerina) e consequentemente exposição ao sol; é chamada de fotomelanose quando a substância reagente ao sol é o refrigerante ou perfumes. É considerada uma reação alérgica.

Os tratamentos das hipercromias (manchas no rosto) são diversos: peelings mecânicos, peelings químicos, dermocosméticos e laser, porém, para eficácia do resultado é necessário conhecer as causas e características de cada mancha no rosto.

Na Semblànt o cliente passa por uma avaliação minuciosa, tanto por anatomia palpatória quanto pelo uso do Dermaview, aparelho este, de última geração que nos dá a profundidade que está a mancha e como resultado damos um diagnóstico e indicação do melhor tratamento.Venha para a Semblànt e dê adeus às manchas!

Recomendamos a leitura desses artigos:

Marque uma avaliação facial gratuita na Semblànt? Ligue no 41. 3026-6336 ou 9532-5657 (whats)

Pela Tecnóloga em Estética e Cosmética, Fernanda Suzane, da Semblànt Estética Avançada e Beleza

Sem comentários ainda.

Escrever um comentário