fbpx

Pele oleosa – Aprenda em 8 passos como cuidá-la e mantê-la saudável

Pele oleosa – Aprenda em 8 passos como cuidá-la e mantê-la saudável

Você tem pele oleosa? Sabe como tratá-la? Identifique agora se sua pele é oleosa ou não e aprenda a cuidar e mantê-la sempre saudável.

Peles oleosas possuem uma camada mais espessa de lubrificação. Mas o que isso quer dizer? Quer dizer, simplesmente que possui em geral um nível maior de óleo em relação ao nível de água. Essa diferença de níveis provoca um desequilíbrio no organismo refletindo diretamente na pele. Poros dilatados surgem assim como o brilho excessivo, em todo o rosto (especialmente na zona “T”; Testa, nariz e queixo). Há também, uma tendência ao surgimento de comedões (cravos) e pústulas (espinhas), ocasionados pelo excesso de sebo que gera obstrução da camada epidérmica, impedindo da pele respirar.

Conheça os 8 passos para amenizar o excesso de oleosidade na sua pele:

  1. Tome muita água e se livre de frituras. A falta de líquidos no organismo e a ingestão das frituras influenciam na produção exacerbada de óleo, deixando a pele com aspecto áspero. Os poros dilatam pelo acúmulo de sebo criando um ambiente propício ao surgimento de cravos e espinhas.
  2. Higienize corretamente. Lavar a pele várias vezes ao dia tende a provocar o efeito rebote, ou seja, a pele entende como uma agressão e produz cada vez mais óleo. Lavar três vezes ao dia é o suficiente, com um sabonete adequado ao seu tipo de pele. Sabonetes contendo Melaleuca e ácido Salicílico tem efeito bactericida e ajudam a controlar a oleosidade natural da pele.
  3. Tonifique. Fundamental para equilibrar os níveis de óleo e água, regulando o pH natural da pele. Temos no mercado de dermocosméticos tônicos maravilhosos, a base de cereais e argila que além de equilibrar deixam a pele com uma sensação de frescor.
  4. Hidrate. Há quem acredite que peles oleosas não devam receber hidratação. MITO! Todo tipo de pele precisa de hidratação, o que vai definir os ativos hidratantes são as características de sua pele. Em geral, um bom hidratante para peles oleosas deverá conter especialmente zinco, ácido glicólico e sílicas anti brilho.
  5. Proteja a sua pele. Use filtro solar com toque seco. Os melhores são as loções ou fluídos específicos para pele oleosa, que possuem ativos próprios para absorver o óleo enquanto protegem a pele da radiação.
  6. Faça limpeza de pele. Fundamental para desobstruir a pele, desentupir os poros, remover as sujidades e melhorar a oxigenação. A frequência da limpeza em peles oleosas deverá ser maior do que outros tipos de pele, pelo fato de sua oleosidade natural ser mais intensa. Recomendamos que faça a cada 21 dias.
  7. Faça peelings. Uma excelente alternativa é fazer um peeling de Cristal ou Diamante. Eles removem toda a camada de células mortas e são ótimos se combinados com máscaras descongestionantes e, ou desintoxicantes.
  8. Faça esfoliação. Uma vez por semana utilize um bom esfoliante, não muito agressivo, de preferência na forma de gel. Isso fará com que a pele permaneça sempre limpa.

E se estiver em dúvida, consulte uma esteticista e peça indicação de um tratamento adequado a sua pele, e deixe-á saudável e bem tratada. Você merece!

Pela Tecnóloga em Estética e Cosmética, Karina Vanderlinde, da rede de franquias especializada em estética e sobrancelhas, Semblànt.

Sem comentários ainda.

Escrever um comentário